foto

 

DICAS DE PREVENÇÃO DE ACIDENTES PARA CADA FAIXA ETÁRIA

0 a 1 ano

Principal característica da idade: fragilidade

Transporte o bebê no bebê-conforto dentro de veículos;

Evite dormir na mesma cama (as associações de Pediatria não recomendam cama compartilhada, mas caso escolha essa opção, pesquise bem sobre os cuidados importantes a se manter);

Não deixe o bebê em lugar alto e sem proteção (cama, poltrona, trocador e colo de criança);

Não o deixe mamar sozinho a mamadeira sem supervisão (risco de engasgo e/ou aspiração do leite);

Não use andadores (risco de quedas, fraturas);

Nunca ofereça objetos de risco como potes de talco, embalagens de remédio, tubos de pomada ou objetos pontiagudos;

Nunca segure o bebê no colo se estiver próximo a substâncias quentes, como café, cigarro, chá, sopa;

Não incentive brincadeiras com animais desconhecidos;

Jamais deixe objetos pesados, quebráveis ou medicamentos sobre móveis baixos e acessíveis.

2 A 4 ANOS

Principal característica da idade: Curiosidade e inconsequência

Proteja varandas, janelas e escadas com grades e redes;

Utilize antiderrapantes em tapetes;

Restrinja o acesso à cozinha durante o preparo das refeições;

Use as “bocas” de trás do fogão com os cabos voltados para dentro;

Coloque protetores nas tomadas;

Limite o acesso a banheiros, lavanderia e piscina;

Não deixe baldes/bacias com água em locais de fácil acesso às crianças;

Use cadeiras apropriadas no automóvel para o transporte da criança;

Mantenha medicamentos sem recipientes com tampas de segurança e produtos de limpeza em embalagens originais, em armários trancados. O mesmo vale para bebidas alcoólicas;

Guarde objetos pontiagudos e cortantes em lugar seguro;

Supervisione constantemente;

Lembre-se que a criança não reconhece os perigos e nem sabe se proteger deles;

Programe “excursões supervisionadas” para suprir a curiosidade da criança: abrir armário da cozinha ou gaveta do quarto e explorar fauna e flora no quintal;

Transmita medidas educativas de proteção como subir escadas degrau por degrau, usar capacete ou descer do sofá sentado;

Não deixe a criança andar sozinha na calçada. Sempre de mãos dadas com um adulto e do lado interno da calçada.

 5 a 9 anos

Principal característica: Influenciáveis e com habilidades motoras abaixo do julgamento crítico

Mantenha os cuidados das fases anteriores, mas reforçando a capacidade da criança reconhecer as próprias competências, limites e dificuldades;

Procure deixar a criança em ambientes seguros (casa, escola, clube e casa de familiares);

Não deixar a criança andar sozinha na rua;

Transportar a criança adequadamente no veículo, utilizando assento de elevação infantil;

Utilizar colete salva vidas na criança quando estiver em piscina, lago, rio ou mar. Ainda assim manter a supervisão constante.

Fontes:

Pediatra Marina Teramae do “Blog Recheio da Infância” – http://recheiodainfancia.com.br/

Sociedade Brasileira de Pediatria/ Departamento Científico de Segurança/ “Crianças e Adolescentes em Segurança”, 2014

PLANO NACIONAL DA PRIMEIRA INFÂNCIA – PROJETO OBSERVATÓRIO NACIONAL DA PRIMEIRA INFÂNCIA

Mapeamento da Ação Finalística Evitando Acidentes na Primeira Infância

banner_servicos_v4