Usar molhos de tomate industrializados são um grande agravo para a saúde, por isso, opte sempre por produzir seu próprio molho de tomate, livre de conservantes e com um sabor maravilhoso. Vamos aqui te ensinar uma dica imperdível sobre a acidez do tomate.

Primeiro, é muito importante que você faça a escolha ideal dos frutos. Na feira, opte sempre por tomates bem vermelhinhos, com a casca lisa e livre de marcas e aparência de estragados.

Outro fator bastante importante também é higienizar muito bem seus tomates. Por conta de produtos aplicados nos frutos para que seu crescimento seja melhor, os tomates necessitam de uma limpeza pesada com água corrente e até mesmo o lado macio da esponja com detergente.

Após a limpeza e extração de todas as impurezas, vamos remover a casca do fruto. Existem várias maneiras. Para fazer molho, a mais indicada é ferver água e deixar os tomates dentro por até 3 minutos. Isso faz com que a casca saia facilmente com as mãos após esfriarem. Uma alternativa muito usada também é a faca de tomate, que tem um formato próprio para o corte da casca, confira na imagem abaixo:

Após a higienização, remoção das cascas, é hora de você picar em cubos pequenos e ir para o fogão! Na panela, pode refogar cebola, alho e outros temperos de seu gosto.

Adicione os tomates picados e coloque o sal. Deixe refogar e cozinhar até que os cubinhos estejam dissolvidos e com textura de molho. Agora, vem o toque principal! No final do preparo, para remover a acidez do tomate, você deve acrescentar na panela uma pitada de açúcar cristal.

O açúcar controla e equilibra a acidez, isso vai fazer com que seu molho fique com um sabor ótimo e com o gosto do tomate conservado.

Para finalizar, uma dica importante: aproveite que vai fazer o molho e faça em grandes quantidades. Você pode congelar que irá manter conservado para usar outras vezes sem perder as propriedades e o sabor.

banner_servicos_v4